segunda-feira , 26 agosto 2019
Home / CentralSFC / Central São Francisco / Dinheiro Público?

Dinheiro Público?

Dinheiro Público?

A proposta da Central São Francisco de Comunicação é trazer ao povo esquecido e alienado uma reflexão sobre os fatos, os acontecimentos e a atual situação da nossa região.

Uma imagem diz mais que mil palavras.
Publicamos uma foto onde sugere uma situação no mínimo intrigante, um caminhão que custa mais de R$150.000,00 da Secretaria de Serviços Públicos e Transportes de Barreiras-BA sendo utilizado para tirar fotos? Equipe, motorista…
Imediatamente o Responsável pela Comunicação do Município que acompanhava o fotógrafo, se pronunciou.
A questão é: Uma grua que seria adequada para tal serviço, custa em torno de 10 mil, ou melhor, um drone para tal função custa 5 mil reais. E qualquer PROFISSIONAL DA ÁREA DE COMUNICAÇÃO sabe que uma hora de externa custa em média R$400,00 com equipamentos.

Se a nossa reportagem tivesse visto um drone registrando as imagens teceríamos elogios aos presentes no local. Mesmo sabendo que é proibido pela ANAC o uso de tal equipamento sobre o público. Situação praticada na Exposição de nossa cidade.

Voltamos a legenda da foto: Dinheiro Público? A atual gestão gastou até a data de hoje R$ 1.108.443,05 (um milhão cento e oito mil quatrocentos e quarenta e três reais e cinco centavos) com publicidade, pagamento este, feito a duas empresas.
Agora uma reflexão ao números:
A população precisa saber, com este dinheiro é possível construir 37 casas populares ou comprar 4.024,55 cestas básicas, segundo o Dieese. Dá para tirar um bocado de foto com esse dinheiro.

Bom Veículo de Comunicação?

O Sr. Responsável pela comunicação do município de Barreiras Adalto Soares, não tem formação nesta área para exercer este cargo da forma que possa entender sobre como realmente funciona um veículo ou uma assessoria adequada. Lembrando inclusive, que é um cargo político com prazo de vencimento. Portanto, não tem conhecimento da diferença que faz ser especializado nesta área.
Já os “blogues” sem critérios seguem a mesma linha de quem não é capacitado para tal. Demonstram isso ao cobrarem R$100,00 de um político para falar mal de um ou outro gestor, é fácil escrever IMPRENSA nas costas de uma camisa, difícil é se qualificar recebendo esmola.

Sendo assim a Central São Francisco de Comunicação que é dirigida por PROFISSIONAIS FORMADOS (DIPLOMA, DRT de Jornalismo), com empresas há mais de 16 anos de mercado, certificadas no CENP, SINAPRO, ANCINE, ABA, ABAP, ANJ… entre outras certificações, vem para mostrar como é fazer um jornalismo de verdade, com qualidade e respeito a população.
Este veículo de comunicação ao se apresentar como autônomo e sem vínculos partidários em uma entrevista de um ex-prefeito escutou dele: “e vocês vão viver de quê? ” Pois essa é a nossa bandeira! Vamos viver da liberdade de expressão e do jornalismo sério, pois o Oeste da Bahia não tem Imprensa.
A Central São Francisco de Comunicação não está aqui para DENEGRIR a imagem de nenhuma gestão, empresa ou político.
A Central São Francisco de Comunicação está à disposição de qualquer cidadão de bem que queira questionar e trazer a reflexão fatos de nossa região.

Além disso, verifique

O campeão dos campeões

Um Bate Papo descontraído e curioso com um dos maiores atletas da nossa região, ele ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.