segunda-feira , 19 agosto 2019
Home / CentralSFC / Central São Francisco / Agricultores familiares aprendem a vender para o governo no campo

Agricultores familiares aprendem a vender para o governo no campo

Com o intuito de tornar os negócios no campo mais competitivos e inovadores, o Sebrae realiza, no próximo dia 8 de abril, em Serra do Ramalho, Oeste da Bahia, a oficina “Vender para o Governo no Campo”. O evento, que é gratuito, é destinado a agricultores familiares e pequenos empreendedores rurais. As inscrições já estão abertas e podem ser realizadas na Loja Virtual do Sebrae (http://www.lojavirtual.ba.sebrae.com.br/loja/evento/26110680

Vender para o governo No Campo – Serra do Ramalho #oSebraeTem
Câmara de Vereadores – 08/04/19 – 19:00 as 21:00 – Já me inscrevi!
www.lojavirtual.ba.sebrae.com.br
). As vagas são limitadas.

A capacitação tem o objetivo de fornecer ao agricultor familiar noções básicas sobre o processo de comercialização através do mercado institucional, via editais dos órgãos públicos. A programação vai contar com os temas: agricultura familiar – produção X mercado; vantagens em vender para os órgãos públicos; principais programas e iniciativas de compras governamentais; e instrumentos necessários para a comercialização da produção junto ao mercado institucional.

O gerente Regional do Sebrae em Barreiras, Emerson Cardoso, que atende todo o Oeste da Bahia, explica que as oficinas do projeto No Campo ajudam a profissionalizar o negócio rural, unindo o conhecimento técnico às experiências familiares.

“A ferramenta possibilita interagir com os produtores e entidades rurais representativas, conhecer suas demandas e pensar juntos ações planejadas, que tragam resultados nos negócios”, frisa.

No Campo

O projeto oferece uma série de ações para apoiar o desenvolvimento dos pequenos negócios rurais. Com o No Campo, o participante aprende a administrar sua propriedade rural, melhorar o comércio de seus produtos agropecuários e entender como o empreendedorismo, a liderança e a gestão podem promover o êxito do negócio.

No âmbito do projeto, o produtor pode participar de cursos presenciais, oficinas, consultorias e palestras. As oficinas possuem três, quatro ou oito horas de duração e tratam de diversas informações que o empreendedor pode utilizar imediatamente no seu empreendimento.

Nas consultorias, especialistas do Sebrae customizam soluções exclusivas para o problema apresentado, avaliando oportunidades, cenários, custos, riscos e outros fatores que possam interferir no aumento do seu lucro.

Já nas palestras, o participante recebe dicas para aprimorar a gestão e organização de sua propriedade rural.

Eixos de atuação

As soluções estão agrupadas em cinco eixos: Gestão, Empreendedorismo, Associativismo, Liderança e Comercialização. Na temática Gestão, estão agrupadas as oficinas Atender Bem No Campo, Negociar No Campo, Controlar Meu Dinheiro No Campo, Custos Para Produzir No Campo e Gerenciar No Campo.

Em Empreendedorismo, o participante conta com as oficinas Empreender No Campo e Jovem Empreendedor no Campo. No que se refere ao Associativismo, o No Campo oferta o kit Juntos Somos Fortes Agronegócio e o curso Redes Associativas.

No eixo Liderança, há a oficina Liderar No Campo. Comercializar No Campo, Vendas Diretas No Campo e Vender para o Governo No Campo são as soluções na área de Comercialização.

Agência Sebrae de Notícias Bahia

 

Além disso, verifique

Uma Fórmula perfeita

Uma Fórmula perfeita ​A farmácia de manipulação é um estabelecimento de saúde onde fórmulas são manipuladas ...